quinta-feira, 20 de dezembro de 2012

É TEMPO DE NATAL

POR: JOBEDIS MAGNO DE BRITO NEVES


Estamos no periodo mais sublime do mundo, o Natal. Época em que os sentimentos de amor, carinho, compreensão e confraternização prevalecem nos nossos corações. É o momento em que despertamos nossos olhares para um significado bem maior que farra e diversão, o momento de festejarmos o nascimento do menino JESUS.

E para podermos incorporar um pouco mais esse espirito natalino que renasce dentro de cada um de nós, resolvi nessa manhã desta segunda feira   24/12/2012 postar aqui no Museu do Esporte de Campina Grande um pouco sobre  o Natal, dia de confraternização das pessoas, dia de reencontro daqueles amigos e indivíduos que a tempo não víamos. Tempo de pensar no próximo, tempo de reconciliação, de perdão, de demonstrar amor ao ser humano. Tempo de fazer o bem sem olhar a quem. De elogiar, incentivar, confraternizar.

Tempo de pedir paz. Não há dúvida: Natal inspira bons sentimentos.  Há um clima de magia no ar. As pessoas ficam mais abertas, comunicativas, mais “contentes” e ainda tem as festa de confraternizações de amigos e de trabalho.

Vivemos numa sociedade cada vez mais alienada e desumanizada. Há neste período em todas as cidades do Mundo mais dinheiro circulando pela influência do "espírito" natalino. Há mais “solidariedade” entre as pessoas. Contudo, apesar de tudo: as compras, as festas, das trocas de presentes e dos "chamativos" não devemos nos esquecer do verdadeiro aniversariante: JESUS CRISTO! Este sim, o mais importante para todos nós...

Uma das mudanças de comportamento que surge nas pessoas na época Natalina são exatamente as atitudes delas, ou seja, de nós todos os seres humanos... Ficamos mais sentimentais, o coração pulsa mais forte, apertado, às vezes. E sentimos mais a necessidade de ajudar as outras pessoas, independentemente dos presentes que doamos ou que ganhamos.

Não há nada mais poderoso e reconfortante no mundo do que o amor, especialmente quando é genuinamente dirigida a outra pessoa em forma de simpatia, carinho, um sorriso, abraço, beijo ou tempo de qualidade. Exprima o seu amor – para quem está a recebê-lo, é muito mais importante do que alguma vez imaginou.

Ajudar o nosso próximo é, na verdade, o principal objetivo de nossa vida aqui na Terra. Senão, para que viveríamos em sociedade, e para que constituir família, ou formar as comunidades? A vida material terrena não tem outro sentido, pois afinal de contas estamos aqui de passagem.

Deveríamos todos nós, conhecer essa "Premissa" de DEUS: Ele colocou-nos aqui neste mundo material com o objetivo de que obtivéssemos conhecimento, para ajudar-nos uns aos outros e para "melhorar" como pessoas. Uma das principais formas de conseguir esse "aprendizado" é auxiliando nosso irmão, nosso próximo, ou mesmo um vizinho, ou até mesmo um estranho que precise de nós.

As ajudas, a solidariedade e a preocupação com nosso próximo deve ser feita em qualquer época do ano. Em qualquer dia. Não precisamos esperar o Natal para ajudar nossos semelhantes.

Portanto, Ajude... Dê roupas, comida, presentes, remédios, e até mesmo dinheiro, se puder. Ajude as Entidades sérias, as que tratam de doentes, de necessitados, deficientes, com câncer. As que acolhem velhos ou que cuidam de crianças especiais ou em situação de abandono.

O Mundo de hoje é um mundo muito egoísta, materialista, que nos leva a lutar, trabalhar em dobro com o único objetivo de "adquirir coisas". Alguns trabalham muito apenas para adquirir bens materiais! Coisas e bens que nem precisamos e que de nada nos servem para evoluir no campo espiritual.

Devemos possuir o necessário para viver, evitar o excesso. Sem falar que o ladrão está de olho nos bens de valor que você possui.

As pessoas egoístas, apegadas exageradamente a bens materiais juntar dinheiro para ficar rica. Fica rica, mas fica infeliz. Isto porque este comportamento leva a pessoa à depressão, às doenças da mente, da alma e do corpo. O egoísmo faz de você uma pessoa infeliz espiritualmente, pois o seu coração, sua mente ficam impregnadas, preocupadas com todos estes bens e coisas do mundo, que você possui e que lhes obriga que lhes pesassem no bolso mantê-los. Bens em demasia que lhe impede de ver a vida, de lembrar-se do próximo, de ajudar o irmão que precisa.

O egoísta rico ri a toa, como dizem. Mas eu lhes digo: é um sorriso da boca para fora. Por dentro, muitas vezes, essa pessoa sofre muito, por isto adoece e acaba fazendo-a gastar todo o seu patrimônio se tratando das doenças do mundo moderno: enfarte, câncer, estresse, depressão, etc...


Na oportunidade, quero agradecer a todos os internautas, campinenses ou não, naturais ou de coração, que passaram pelo menos uma vez aqui no nosso Museu  para dar o seu estímulo ou contribuição, deixar o seu recado ou crítica, enfim, participar do processo de comunicação "virtual". A todos vocês, o meu desejo sincero de que os tradicionais encontros com os familiares e amigos nas festas natalinas e no Réveillon sejam repletos de muita alegria e carinho, amor e fraternidade, saúde e felicidade, e que essas dádivas divinas se mantenham por todo o ano que se iniciará em breve. 






6 comentários:

Roberto Guarabira disse...

Belíssima mensagem, prezado amigo.
Ah se todo mundo tivesse este mesmo pensamento! Viveriamos num mundo bem melhor.
Façamos a nosssa parte.
Desejos sinceros de um Feliz Natal e um Ano Novo de paz, saude e harmonia em seu lar juntamente à sua amada família.

Espedito Vilar disse...

VALEU JOBÃO, GRANDE HOMENAGEM ESSA DO NATAL, ONDE MUITA GENTE NEM SE LEMBRA DO NASCIMENTO DO MENINO JESUS, O COMÉRCIO ROUBOU TODO CONTEUDO DA FESTA, MAIS SE ALGUEM SE LEMBRA JA FAZ A DIFERENÇA, EU PARTICULARMENTE ACHO UMA DATA MUITO TRISTE POR ESSE MOTIVO, MUITA GENTE ESBANJA ENQUANTO OUTROS ESTÃO PASSANDO A MAIOR DEFICULDADE, MAIS COMO O MUNDO É MUNDO A MUDANÇA SERA MUITO LENTA, DESEJO A TODOS QUE FAZEM A DIFERENÇA E ESSE BLOG DE CAMPINA GRANDE QUE NÃO TEM PREÇO, MUITA PAZ SAUDE PROSPERIDADE E QUE DEUS NOS ILUMINE PARA QUE POSSAMOS FAZER MUITAS HOMENAGENS DESSE TIPO. ABRAÇOOOOOOO.....E ATÉ SABADO.

Jurayanne Vidal disse...

Lindo Jobão!! Mais uma vez o sr conseguiu traduzir em palavras, grandes sentimentos. Torço muito para que o Espírito Natalino penetre nos corações das pessoas e que as façam enxergar exatamente o que o sr retratou neste texto, que a vida não se resume ao que o dinheiro e o mundo nos oferece, mas sim ao que Deus quer de nós! Paz União Caridade Perdão.. e o principal: Deus quer AMOR, Deus quer que amemos uns aos outros como ele nos Amou, quando deu a vida do seu próprio filho para nos salvar. Quando o AMOR fala mais alto... a paz a caridade o perdão a bondade surge consequentemente. Um Feliz Natal para todos nós!!

Anônimo disse...

Embora se percam outras coisas ao longo dos anos, mantenhamos o Natal como algo brilhante... Regressemos à nossa fé infantil.
Vadinho

Marcos Soares disse...

Valeu sua dedicação aos registros do futebol amador do passado de Campina Grande.
Mais uma ano de exaustivo trabalho e pesquisa, não poderia ser diferente: SUCESSO.
Meu desejo é que você continue firme no ano que se aproxima, almenjando aos seguidores deste maravilhoso blog, novas(antigas) histórias e fatos ocorridos no passado.
Parabéns, Jobão.
Feliz Natal e Ano Novo repleto de sucesso.
Fratenalmente,
Marcos Soares

Hildeman Ribeiro de Morais. disse...

Amigo Jobedis, com orgulho e muito amor no coração que fiz parte dessa festa e, farei até quando Deus me permitir de outras. Porque caro amigo, não tem dinheiro que pague tantas emoções. Aceite um abraço sincero de seu amigo e, tenha junto com toda à sua familia um feliz ano novo. Se estende também para o nosso irmão Dr Glauco e familia.

Postar um comentário