quarta-feira, 28 de dezembro de 2011

ÚLTIMA CRÔNICA DO ANO - O ANO DE 2011 ESTÁ TERMINANDO...

POR: JOBEDIS MAGNO DE BRITO NEVES


Abro essa PAGINA de uma maneira que não poderia ser diferente: Agradecendo. Deixo um pouco as historias do esporte amador de Campina Grande de lado e comento a responsabilidade que é estar com este Museu/CG na grande Rede Mundial de Computadores, um MUSEU VIRTUAL  que tem tudo para ser o um dos maiores  portais  de informações sobre o esporte amador de uma cidade de todo o Nordeste.

O ano esta acabando e outro já está chegando, mas 2011 nos trouxe gratas e inesquecíveis surpresas tanto no âmbito pessoal como profissional. A implantação do Museu Virtual do Esporte Amador do passado de Campina Grande, por exemplo, foi um dos meus maiores motivos de alegria em 2011. Quero aqui, na ultima crônica do ano, agradecer a todos os nossos colaboradores e, principalmente, a você internauta, que nos prestigiou.

O Museu Virtual/CG é um Blog que acredito que tem uma  magnitude que poucos possuem. Nele, é possível acompanhar o esporte amador de nossa cidade deste seus primórdios, com  uma galeria de fotos exclusivas, passando por homenagens aos  grandes nomes do esporte amador de nossa cidade.

Aqui pude mostrar um lado que até eu mesmo desconhecia e exercitar com total liberdade o direito democrático de expor o meu ponto de vista. Neste nosso encontro, durante mais de seis meses em mais de 300 postagens com quase 3 mil acessos/més. Pude falar de esporte amador, de pessoas e de fatos. Pude criticar e elogiar, pude traçar uma linha imaginária do tempo ao pontuar cada crônica com o momento vivido por todos nós esportistas.


Estar aqui em 2012 será um  prazer e uma honra e tenho certeza que este nosso encontro com ajuda de vocês se estenderá por muitos e muitos anos, sei que teremos grandes novidades no Museu  em 2012. Novidades estas que trarão ainda mais qualidade e credibilidade ao exposto, que nestes seis primeiros meses de existência conseguiu, a custo de muito trabalho e dedicação se estabelecer no cenário nacional como uma referência, na informação de tudo o que diz respeito ao  esporte amador de nossa cidade no país e outros países no mundo (conforme mostraremos nos gráficos em anexo).

Neste um espaço democrático também proporcionou descontração e opinião, através das nossas Homenagens, pequenas histórias dos clubes e artigos.

Aqui mesmo, na nossa coluna, pude trazer momentos de alegria e de dor, de indignação e de reflexão, de homenagens e criticas. Aqui desfilei personagens e me despi de qualquer pudor ao escrever o que sentia, aqui conversamos e trocamos idéias e essa troca me proporcionou raros momentos de alegria, pois é muito bom escrever, ser lido e depois ter o retorno do que expomos.

Quero aqui, na ultima crônica de 2011, agradecer a todos aos colaboradores e, principalmente, claro, agradeço também ao leitor internauta que acompanha o Museu na Rede e que gosta de ver nossas postagens. Aproveitando para justificar que qualquer futura falha, é fruto da minha condição de ser humano passível de cometer erros. Críticas e  sugestões? Serão sempre aceitas e bem vindas.

Muito obrigado pelo acesso, e que 2012 seja plenos de amor, saúde, paz e harmonia. E para fechar 2011 com chave de ouro, dedico a última crônica  deste ano a todos os internautas e Amigos,  em especial aos colegas que participaram deste portal, comentando e participando, Até próximo ano quando voltamos com força total este modesto espaço esportivo na Internet. Em nome da paz e da boa conversa. Relaxem, divirtam-se, curtam a vida. Vale a pena.

Bom fim de ano para a todos. 


Abraços para a galera e Próspero Ano Novo!”                


ABAIXO MOSTAREMOS NOSSOS ACESSOS NESSSES PRIMEIRO 6 MESES DE EXISTÊNCIA DO MUSEU


           VISÃO GERAL DE ACESOS NOS SEIS PRIMEIROS MESES  E 

 POSTAGENS MAIS ACESSADAS










terça-feira, 27 de dezembro de 2011

3º ENCONTRO DE AMIGOS DO PASSADO (3ª PARTE SÓ FOTOS FINAL))

POR: JOBEDIS MAGNO DE BRITO NEVES


FOTOS DO ENCONTRO - AMIGOS

















































OUTRAS FOTOS DO ENCONTRO

GRANDE DESPORTISTA DE CAMPINA GRANDE - ANTONIO LULA CABRAL



POR: JOBEDIS MAGNO DE BRITO NEVES




Uma grande amizade não há tempo que apague ou distância que separe. Estou falando do amigo Antonio Lula Cabral, ex-atleta e ex- professor aposentado de Educação Física da UFCG e de Colegios de nossa cidade.e hoje empresário do ramo da agricultura. 

Neste tempo de escassez de falta de ética, falta de confiança, falta de crédito do ser humano e com outros desvios de conduta como enganação, falta de dignidade mais felizmente conheço de Lula Cabral uma pessoa que viveu sua vida para ser útil ao seu próximo. Sim simplesmente este é seu jeito de ser e agir e não há como falar do presente sem referenciar o passado. Volto ao tempo para relembrar algumas historias a qual tive o prazer de vivenciar ao lado do grande amigo professor onde obtive muitos ensinamentos e vitórias nas competições que nosso Colégio Estadual da Prata participava e ele como nosso treinador de diversos esportes, que repasso aos meus amigos do passado de nossa Campina Grande e atletas nos dias de hoje.

Fui seu aluno no antigo colégio nos meados da década de 60 e me impressiona como esse homem conseguiu fazer tantas coisas na época que nada tinha de estrutura, quem se lembra da quadra do colégio toda esburacadas, do campo do com uma entrada no meio campo para os alunos entrarem no colégio e também da pista de atletismo foram este os lugares em que ocorriam suas aulas, treinamentos para as competições a qual nós participávamos e ele próprio organizava e era o Treinador. Poucos se lembram destes locais, naquele tempo, seus alunos eram pura motivação, pois ele transmitia esta energia, participavam das aulas, treinavam e competiam com orgulho e alegria vestindo a camisa do Gigantão.


Eu valorizo a historia porque um povo que ignora ou não recorda seu passado e não cultua suas tradições perde sua personalidade. O passado dá sentido e significado a ação futura, imagine você o que seria naquele tempo se existisse Ginásios e campos de futebol e tantos outros locais para a pratica esportiva, hoje vivenciamos o inverso, temos quase tudo e pouco se faz. Ainda escrevendo fico cada vez mais orgulhoso do  Lula Cabral como uma pessoa pode realizar tantas coisas e ser útil para outros sem visar lucros ou interesse particular, sem discriminação, sem esperar que outros retribuam ou reconheçam suas ações, mais ele fez, este homem de bom caráter, honesto e trabalhador com seus princípios que não é vergonhoso conduzir a vida honestamente, por que valores morais é um dever do ser cristão.

Você me ensinou muito e me sinto honrado e agradeço a “DEUS” de ter tido o privilégio de ser seu aluno e amigo. Professor Lula Cabral um admirável ser humano.

ALGUMAS FOTOS DO LULA CABRAL COM ATLETA E COM TREINADOR


TIME DE FUTEBOL DE CAMPO JUVENIL CAMPEÃO DOS JOGOS COLEGIAIS DE 1967

NESTAA DUAS FOTOS HITORICAS lULA CABRAL É O ULTIMO A DIREITA





 LULA CABRAL SENDO COMPRIMENTADO PELO SEU PARENTE EX PREFEITO SEVERINO CABRAL














domingo, 25 de dezembro de 2011

QUEM FOI CRAQUE - JOÃO MARIO

POR: JOBEDIS MAGNO DE BRITO NEVES



Homenagear craques do passado não só dentro das quatros linhas mas também fora, pela sua educação, lealdade, respeito e consideração aos seus companheiros de time, falamos de João Mario Correia Costa ou simplesmente “João Mario”. Era um atleta que jogou varias modalidades de esporteS: Basquete, Futebol de Campo e salão e agora na aposentadoria joga tênis de quadra com amigos. Começou sua carreira nos times de colégios e como não poderia deixar tratou logo de defender sua primeira agremiação o saudoso time do Estudantes depois de sua fundação e ali permaneceu por muitos anos consecutivos, uma vida futebolistica dedicado ao esporte de nossa cidade, onde por varias vezes colocou a faixa de campeão amador. 


Já veterano João Mario continuava a demonstrar grande vitalidade que fazia inveja a muito garotos, e então passou a atuar em outras equipes como a Atecel nas olimpíadas operarias da cidade e novamente levantando do títulos ai sim, consagrado resolveu pendurar as chuteiras do amador e assim o fez. Encerrou sua trajetória no amador com estas grandes conquistas e sempre demonstrando ser um grande desportista, deixando sempre um belo exemplo aos jovens que iniciavam a carreira, João apesar de ter fama de popeiro e explosivo, foi exemplo de disciplina, da fibra, da raça, da amizade e pela compreensão pelas jornadas ingratas que o futebol proporciona a todos aqueles que se entregam de corpo e alma na pratica sadia e salutar do esporte. 


João Mario, hoje descansa das lidas do futebol no aconchego do seu lar ao lado de seus familiares e trabalhando agora como colaborador deste Museu do Esportes.

Grande "João Mario", obrigado por tudo que demonstrou de positivo na sua vida e como grande atleta e agora como colaborador deste Museu. Campinaesportiva agradece ao grande atleta.


algumas fotos do atleta João Mario




















                        JOÃO NA SELEÇÃO DO TREZE X CAMPINENSE











seleção Treze x Campínense 







A CHEGADA DE PIBO EM CAMPINA GRANDE





CURRICULUM  ESPORTIVO

Nome : JOÃO MARIO CORREIA DA COSTA
Data e local de nascimento : Campina Grande-PB – 24/06/40
Escolaridade : Economista – Faculdade de Ciencias Economicas CG -1970


MODALIDADES ESPORTIVAS QUE PRATIQUEI  e  PRATICO
FUTEBOL
FUTSAL
BASKET
VOLEIBOL ( Rachas)
TENIS DE MESA
TENIS DE CAMPO (Atualmente)
ATLETISMO
WATER POLO (Essa historia vai ser contada ! Esperem !)


FUTEBOL:
                     TREZE – ESTUDANTES (1957/1974)
                     BANCOS : MAGALHÃES FRANCO – INDUSTRIAL DE CG
                    SELEÇÃO DA CIDADE (Técnico Ten. Brito)
                     PARTICIPAÇÃO NO COMBINADO TREZE / CAMPINENSE :
                     (Jogo contra a  PORTUGUESA CARIOCA (0x0)
                    RACHAS :  PAPAGAIO- DENTE DE LEITE – OU VAI OU RACHA  

BASKET :
                   CENTRO ESTUDANTAL CAMPINENSE
                   ESTUDANTES
                   GRESSE
                   ATECEL
                   SELEÇÃO PARAIBANA (Convocado)
                   Por motivos de trabalho não acompanhei a delegação

FUTSAL : ESTUDANTES 1958/1967
                    BCO. MAGALHÃES FRANCO
                    BCO. INDUSTRIAL DE CAMPÍNA GRANDE
                    FACULDADE DE CIENCIAS ECONOMICAS DE CG - FACE
                    SELEÇÃO DA CIDADE (CG em duas ocasiões)
                   SELEÇÃO PARAIBANA UNIVERSITÁRIA -  1965  -   1967 -  1968
                   UFPB/ATECEL


VOLEIBOL
Não cheguei a praticar quando jovem, apenas joguei em rachas já cinqüentão.
Em 1992,resolvi fundar a Associação Campinense de Voleibol, onde, com a ajuda de vários desportistas amantes do Voleibol fizemos vários campeonatos desde a faixa etária Mirim até Adulto.
Saliento que a colaboração dos técnicos de voleibol da época, ex jogadores e a compreensão de diretores de colégios em ceder as quadras para a realização das rodadas foi fundamental para  o sucesso da nossa Associação, que ainda hoje é chamada de ACV.
Lembrando que tivemos o apoio do pres. da FEDERAÇÃO PARAIBANA DE VOLEIBOL na pessoa do amigo  PotengÍ  Lucena, fato esse que concorreu  também para o sucesso da nossa Associação.



TENIS
Atualmente tento jogar tênis.
Há mais de 08 anos que pratico e não passo de um Pato !
Mas é um esporte que recomendaria aos amigos que já não tem físico nem fôlego suficiente para encarar um racha de futsal, futebol ou mesmo basket, pois nosso jogos são na maioria de duplas dentro da faixa etária condizente.
Eu pelo menos sou pós 60...!!!!!