terça-feira, 14 de agosto de 2012

CANTINHO DA SAUDADE - ELIAS TROJÃO

POR: JOBEDIS MAGNO DE BRITO NEVES 


Mais um grande atleta do esporte de Campina Grande do passado ficou na saudade, tivemos a perda do inesquecível Elias Trojão que fez no futebol de salão e de campo a sua historia esportiva em nossa cidade. Na sua juventude foi zagueiro forte que nem um touro, com uma envergadura de assustar os adversários, as pessoas ficavam boquiabertas com a envergadura daquela massa muscular ambulante.

Aqui jogou em algumas equipes de nossa cidade tais como: Banco Auxiliar do Comercio, O Banco Industrial de Campina Grande nos jogos bancários que se realizava em nossa cidade. Jogou também futebol de salão no Banco da Lavoura, no BNB e na equipe do Treze, e na seleção da Faculdade de Ciências Econômica de Campina Grande a FACE,  e no Raposinha.


Seu Falecimento

Fiquei um tempo sem saber noticias do zagueiro depois que ele foi morar em João pessoa, não deixava um só dia de utilizar a internet este meio de comunicação rápida para ver noticiário das novidades de esportivas do passado de Campina Grande, quando me deparo num site a noticia no obituário o falecimento do Elias.

Lembranças vieram de imediato do amigo que nos deixou, procurei mais noticias e vasculhei tudo para tentar achar algo que falasse da sua trajetória esportiva, mas não encontrei quase nada apenas algumas fotos. Mais a culpa não é da imprensa esportiva local, pois muitos são jovens e outros chegaram a pouco tempo na cidade e não viram este grande atleta atuar, mais eu vi algumas fotos dele quando atuava no esporte de nossa cidade do Natal que atuava ao seu lado no titulo de campeão amador de 1963 pelo Campinense Clube o Raposinha conforme foto abaixo a esta pequena homenagem. 

No Campinense Clube de futebol foi uma das equipes amadoras mais conhecidas daquele tempo que se destacou. Esta equipe continha um grande elenco, principalmente por fazer parte deste grupo vários atletas que depois brilharam no elenco profissionais como: Erandir Montenegro, Natal, Betinho e Humberto Mota, Nilton Sinval, Oscarzinho, Keka, Simplício, Vando, entre outros, a equipe do Campinense levou o titulo de campeão amador de 1963, onde o futebol era pura arte e se mantiveram jogando juntos quase algumas temporadas (conforme fotos abaixo desta homenagem).

Elias Trojão sempre foi um zagueiro que não maltratava a pelota tinha uma capacidade técnica excelente, seu posicionamento e recuperação eram impressionantes sempre esguio de cabeça erguida comandava o setor defensivo.

Mas por problemas de saúde se afastou dos gramados, mas deixou uma marca positiva no esporte, os saudosistas relembram o potencial desse que foi uns dos bons zagueiros do futebol amador de nossa cidade e fez parte de uma das melhores histórias do nosso esporte.

 Formou-se em Economia e preferiu ser somente funcionário concursado do BNB.

Deixa saudades mais uma historia que ficara marcada pelas vitorias tanto no esporte com na área profissional que atuava. E que esta batendo sua bolinha no céu com sua técnica apurada vai matar a bola no peito e rolar nas nuvens na eternidade celestial.

Fique com “Deus” meu amigo Elias Trojão.

                  Time  Tri campeão bancário - Banco Auxiliar do Comércio

ELIAS É O PRIMEIRO AGACHADO

                                      ELIAS É O ULTIMO EM PÉ




                                             

TREZE DE FUTEBOL DE SALÃO
SILVESTRE ALMEIDA, HUMBERTO DE CAMPOS, ELIAS TROJÃO E CHICO CATETA.
AGACHADOS: TONHECA, BETINHO MOTA E ALOIZIO 

6 comentários:

CARLINDO C COSTA disse...

PARABENS POR MAIS UMA EXCELENTE MATÉRIA, DESTA FEITA ABORDANDO O QUERIDO ELIAS; O MUSEU ALEM DE RECORDAR OS NOSSOS ÍDOLOS E PARTICULARES AMIGOS, DIZEM-NOS ONDE ELES SE ENCONTRAM ATUALMENTE, NO CASO DE TROJÃO( QUE ERA UM VERDADEIRO " TROVÃO" )ENCONTRA-SE NO CÉU ASSISTINDO AO LONGE NOSSAS MATÉRIAS E RECEBENDO NOSSA HOMENAGEM JUNTAMENTE COM MUITOS OUTROS QUE JOGAM HOJE NA "SELEÇÃO CELESTE"!!! - Carlindo C. Costa.

Jose Roberto Fook disse...

Gostei por ter visto também a foto do time do Banco Industrial de C. Grande, onde aparece meu pai- Benedito Lia Fook - "China" (agachado, penúltimo da dir p/ a esq) e amigos dele. Obrigado Jobedis!

Anônimo disse...

Amigo Jobédis, bom dia
Reitero meus agradecimentos pelo envio de suas significativas mensagens, enfocando matérias sobre o esporte amador de nossa querida Campina. Permita-me apresentar algumas observações:

01 - Orlando Guedes (zagueiro central do Campinense e Estudantes) - Você disse não se lembrar daquele excelente zagueiro. Entretanto, comentou sobre Wendel (goleiro do Botafogo-RJ e atual treinador de goleiro da seleção). Lembro-lhe que Wendel é cunhado de Orlando e, quando jovem, vinha passar algum tempo em Campina e ficava hospedado na casa de Orlando;

02 - Jorge (irmão de Natal) - Ao enfocar matéria sobre Jorge, você colocou fotografia de João (outro irmão de Natal), que trabalhou comigo no Banco (vide foto);

03 - Elias Trovão - Antes de trabalhar no Banco do Nordeste, trabalhou comigo no então Banco Auxiliar do Comercio, como também Silvestre e Betinho. Fomos campeões nos anos de 1964, 1965 e 1966 (campeão invicto) (vide mesma foto)

Um grande abraço desse seu velho amigo

Aluizio

Anônimo disse...

Elias e Silvestre (ambos in memória), eu os vi jogando futsal e de campo.Pense numa zaga dura e viril.Elais era um verdadeiro "guarda roupas".Tinha um físico avantajado e sabia tira o máximo de proveito de suas condições físicas.Às fotos registram os grandes e inesquecíveis atletas daqueles tempos.E não eram só jogadores,eram amigos e companheiros do dia a dia.O que fortalecia mais ainda os laços de camaradagem.
Lamento profundamente esse falecimento prematuro do grande zagueiro Elias.
Que Deus o tenha em um bom lugar.
Jóbedis,sua dedicação fica pontuada nesse resgate.Parabéns!
Vadnho

Anônimo disse...

Amigo Jobão,mesmo não tendo sido amigo de equipe do Elias Trojão, tive várias oportunidades de vê-lo jogar futsal.
Sei que quando somos, digamos assim, amigo mais de perto, para os que o são, como é difícil encarar, ele se foi e a saudade começou.
Tanto o Elias e muitos amigos nossos, já estão no lugar reservado por nosso Deus ao seu lado, fica uma lembrança que nunca vamos esquecer.

Jonas didi

Anônimo disse...

Aluizio, tu que jogaste neste time do Banco Industrial, nomina cada um deles, lembro-me de Delgado,Guedes,o irmão de Eros,Leôncio,Elias, China e você. Antigo funcionário de BI, Josélio.

Postar um comentário