quarta-feira, 10 de abril de 2013

CANTINHO DA SAUDADE - ZENO

POR: JOBEDIS MAGNO DE BRITO NEVES


Recebi um e-mail de um amigo e assíduo leitor do Museu do esporte de Campina Grande, onde o mesmo me solicita para escrever algo nessa coluna sobre o saudoso jogador Zeno do Treze Futebol Clube. Pois bem, por volta de 1970, o futebol de Campine Grande fervilhava a cidade, tínhamos um grande número de equipes que movimentavam todos os campos de pelada e esportivos, inclusive os da zona rural. O torcedor acabava de almoçar e já se dirigia para um dos estádios que dificilmente ficava um domingo sem a prática do futebol. E o importante é que revelavam bons jogadores.

Nesta época, surgia um garoto  bastante simples, mas com uma força de vontade impressionante. Seu nome Zeno como era carinhosamente chamado pelos amigos e familiares.

Esbanjando muita felicidade foi convidado a defender o time do Trezinho, agarrou essa oportunidade e já em 1974 era o titular dessa agremiação, ao lado de outros grandes jogadores do Treze conforme foto abaixo.


Zeno em vida foi uma pessoa educada, religiosa, gostava de jogar bola e de ter muitos amigos em nossa cidade. Partiu desse mundo em decorrência de uma grave doença Meningite (Ele chegou em casa dizendo que estava com um pouco de dor no corpo, mas ainda assim foi jogar bola. Quando voltou, a dor tinha aumentado, e ele reclamou que a perna estava doendo”, achou que a dor era apenas muscular.

À noite, as queixas do jogador continuaram, agora acompanhadas de febre. Na madrugada, a situação piorou e Zeno segundo seus familiares na época apresentou vômitos. Em determinado momento, sua mãe perguntou se ele queria vomitar e levou um balde para o lado da cama. Quando ele abaixou, caiu e começou a ter convulsões). Infelizmente foi levado para o hospital e não resistiu à doença e veio a óbito, deixando uma legião de amigos e um grande vazio no cenário esportivo de Campina Grande.

Zeno, a meu ver, tinha condição de vestir a camisa de qualquer equipe grande do futebol brasileiro. 

Assim, com essas rápidas palavras, procurei atender meu amigo. Ao grande Zeno, que desde menino brilhou nas fileiras do esporte de nossa cidade, até seus últimos dias de vida defendendo o Treze Futebol Clube, nossas homenagens em nosso Cantinho da Saudade.





Nenhum comentário:

Postar um comentário