segunda-feira, 10 de setembro de 2012

GRANDE DESPORTISTA DE CAMPINA GRANDE - FECHINE

POR: JOBEDIS MAGNO DE BRITO NEVES



Já se passaram mais de meio século que a família Fechine chegou a Campina Grande. O Sr: Jocel Fechine decidiu deixar a cidade de Missão Velha, no Ceará, onde tinha uma pequena mercearia e aqui fixar residência por dois motivos: buscar novas oportunidades comerciais e estudos para os filhos. Entre eles estava Antonio Hamilton Fechine, que se tornou, anos mais tarde, um dos maiores empreendedores paraibanos no segmento de revenda de produtos derivados do petróleo. 

Jocel começou a atividade comercial no segmento de combustíveis e lubrificantes na Rua João da Silva Pimentel. Ainda jovem, Antonio Hamilton, viu a empresa se tornar o maior revendedor dos produtos na região Norte e Nordeste do País.

Por volta dos 26 anos, e com bagagem suficiente para caminhar com as próprias pernas, Fechine abriu o seu primeiro estabelecimento comercial no mesmo ramo, nas proximidades do Convento São Francisco, no bairro da Conceição. Não pertence mais a ele, foi objeto de partilha. Hoje  ele e a mulher Sara, atuante e dinâmica, administram três postos. 

Fechine o famoso “Burra Cega” é um bom Vivant está sempre em todas as atividades sociais, esportivas e culturais de nossa cidade e já foi dirigente e presidente e dirigente de alguns clubes de nossa cidade,  entre eles o Clube, Medico Caçadores e o Campinense. Como também foi o fundador do Bloco Zé Pereira

Hoje emprega cerca de 20 pessoas. A atividade comercial de Antonio Hamilton Fechine não para na revenda de combustíveis. Ele atua também no sistema cartorial. É dono do 4º Cartório, aberto em 1982 que oferece uma série de serviços úteis com muita responsabilidade e sempre atento as mudanças. O número de fichas contabiliza mais de 80 mil clientes.

Antonio Hamilton Fechine, aqui já exerceu vários cargos. Atualmente ele é vice-presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas de Campina Grande (CDL-CG). Foi vereador atuante. Durante o mandato, de 2000 a 2002 defendeu a transposição do rio São Francisco, o projeto multi lagos, a implantação do gasoduto, para introduzir o gás natural na matriz energética de Campina Grande e também fez parte da sua bandeira de luta a divisão do Estado da Paraíba e sendo Campina Grande a capita (pai da idéia de se criar o Território da Borborema, uma nova unidade federativa formada por cidades que compõem o compartimento da Borborema, tendo como capital Campina Grande. "Nossa cidade presta serviço como uma capital, mas, em troca, tem retorno de uma cidadezinha do interior. Fica só com as migalhas, o que prejudica Campina e todosoua Fechine). 

O empresário conta que o sonho nasceu há cerca de quatro anos, a partir de uma palestra de Juracy Palhano no Rotary Clube, e foi estimulado por exemplos como a criação da Universidade Federal de Campina Grande. "A Paraíba é um estado pobre, e boa parte dos seus municípios vive em miséria absoluta. É preciso emancipar o território da Borborema, assim como a Universidade Federal já se dividiu e se deu muito bem.

Mesmo sem mandato Fechine sempre se envolveu nas lutas pelos interesses da cidade e do Estado. Seu empreendedorismo e o amor por Campina Grande e pela Paraíba já foram motivos de reconhecimento por meio de prêmios, concedidos por empresas, a exemplo da Petrobrás e títulos como o de Cidadania Paraibana. Fechine já esteve entre os 100 maiores contribuintes do Imposto Sobre Circulação de Mercadorias (ICMS) da Paraíba e trabalha para isso. 

Algumas fotos do nosso ilustre homenageado:
-






                                     Fechine descançando do seu "trabalho"
                       O DIA EM QUE FECHINE DORMIU E NÃO SORRIU, O SUPER SORRISO DE CAMPINA GARNDE!




                      
                                                                            Fechine e amigos



                                                            Fechine e sua esposa Sara


11 comentários:

Antonio Marcos Barbosa Bezerra disse...

MUITO BOM. TOINHO FECHINE É UM FIGURAÇO. RETRATO DE CAMPINA GRANDE SOCIAL.

Anônimo disse...

De Fernando Cangurú. Franca/SP.
Grande homenagem a este amigo de longa data. Figura carimbada nas hostes Campinenses. Grande empreendedor e de um carisma inestimável. Fechine, para os amigos íntimos, "Burra Cega". Tudo já foi dito pelo cronista a respeito dele. Contudo, é na sua simplicidade que reside seu modo de vida. Sinto orgulho de pertencer ao seu rol de amigos. Abraços e sucesso, você merece. Saudades, Fernando Cangurú.

Marcílio Soares disse...

Antônio Hamilton Fechine é reconhecidamente um personagem genuinamente Campinense, uma figura amigo de todos. Boa homenagem a esse ilustre amigo!!!

HONÓRIO PEDROSA disse...

JUSTA HOMENAGEM JOBÃO, AO GRANDE AMIGO DE TODOS OS QUE MORAM EM CAMPINA GRANDE, ANTONIO HAMILTON FECHINE.

NORO PEDROSA

Anônimo disse...

Eu Jonas didi, nunca poderia deixar de fazer um comentário para uma pessoa tão marcante nos meios sociais em minha querida terra, sinônimo de alegria esta grande figura, quem como eu gostava ( e gosta ainda) de ir muitas festas...Caçadores, Campinense e muitas outras, e ao ler aqui nesta bela e justa homenagem que Jobão lhe faz, que vc foi o fundador do Bloco Zé Pereira (não sabia), uma emoção forte me bateu ao coração, pessoas da minha família, tinham uma participação neste bloco, ganhava camisa todas as vezes que ia a Campina e sempre acompanhava de perto seus desfiles, e com muito prazer trazia aqui pra Fortaleza camisas para relembrar.

Amigo Fechine, pessoas de valor...o que vc é, procuram o melhor lugar para ter sucesso, e vc encontrou esta bela terrinha, é onde vc está...fique e continue, com esta simpatia, ser feliz e fazer outros felizes.

Abs, Jonas didi

Carlindo C. Costa disse...

PARABENS POR MAIS UMA EXCELENTE MATÉRIA, DESTA FEITA SOBRE O CEARENSE QUE TEM CORAÇÃO PARAIBANO!!!
Carlindo C Costa.

JOÃO MARIO disse...

Conheço o amigo Fechine desde o tempo de bigodete ! Figura simpática, e muito atuante em diversos segmentos da nossa sociedade.
Quando presidente do Clube Campestre deixou o seu legado com construção/ampliação do Parque Aquatico, e quadras de tenis, fora outros melhoramentos.
Homenagem bem merecida, pois Fechine de fato faz parte da historia empresarial e boemia da nossa cidade !

Carlinhos disse...

Grande desportista e empreendedor no ramo dos derivados do petróleo e sua valiosa colaboração no desenvolvimento social e economico de Campina Grande e do nosso Estado. Você amigo Fechine, faz parte da nossa história. Parabéns.

Anônimo disse...

Grande Fechine! Amigo de todas as horas. Fico honrado em fazer parte do seu ciclo de amizade. Aliás, será que existe alguém que não seja amigo de Fechine? Ele é a própria história de nossa cidade. Valeu! Jobão... pela homenagem. Deus ilumine vocês. Dão Barreto.

Anônimo disse...

Se Joâo Mário conhece Toim, desde o tempo em que ele era bigodete, nos meus cálculos Toim "Burra Cega" Fechine, tem mais de oitentinha anos. Novamente, João, o ANÔNIMO! kkkk.

Fechine disse...

Jobedis
A matéria ficou perfeita, sem comentários, parabéns, não tenho como agradecer, obrigado!

Postar um comentário