domingo, 12 de fevereiro de 2012

QUEM FOI CRAQUE - RIBEIRINHO

POR: JOBEDIS MAGNO DE BRITO NEVES


Ele brilhou no tempo do amadorismo futebol campinense no Everton e como profissional jogando no Treze e depois no futebol pernambucano no Santa Cruz e depois foi para o futebol cearense. Um ponteiro de toque refinado, agressivo e bom centrador.

Os torcedores do Everton dos anos sessenta estão lembrados do ponta direita Ribeirinho, e que fez sucesso com a camisa rubra verde. Um ponteiro rápido e driblador. Jogava aberto, ia à linha de fundo e cruzava para a área onde encontrava os artilheiros para completar a jogada. Tinha um pique extraordinário e sua virtude era reconhecida por todos. Como ponteiro direito do Everton ou do Treze, procurava a linha de fundo para o cruzamento certeiro ou, por sua habilidade, infiltrar-se pelo miolo do ataque para marcar seus gols. Não se perturbava com os adversários. Seu negocio era driblar todos aqueles que encontrava pela frente. Foi jogar no Treze e depois se transferiu para o futebol Pernambucano e cearense. 

Ao deixar o futebol viveu durante muito tempo no volante de seu carro como taxista percorrendo estradas da vida, Na calmaria recordava seu tempo de futebolista, a chance que teve de ganhar dinheiro correndo atrás da bola, mas não se arrependeu do que fez e do que está fazendo, pois tem futuro garantido para um cidadão classe média. A memória do povo é curta. Os ídolos são esquecidos rapidamente. No futebol a regra é a mesma. Grandes craques foram ficando como folha morta caída no chão. Ninguém se lembra de ninguém. Tornou ídolo, ganhou prestigio, fama e dinheiro. Nunca mais ouvimos falar dele.

ALGUMAS FOTOS DO ATLETA:

TREZINHO




12 comentários:

Anônimo disse...

É amigo Jobão, como vc mesmo citou, "nunca mais" vi o Ribeirinho, nos anos 80 aqui em Fortaleza na Beira Mar, tive a alegria de reencontrá-lo justamente quando fui pegar um taxi, não o reconhecí de imediato, mas ele rápidamente deu aquele grito...num acredito vc aqui, foi de uma maneira que apenas relembramos nossa querida terrinha e podes crer, não que ele esqueça determinados amigos, mas o primeiro que ele perguntou foi por Chico Cateta, tinha que ir para minhas baladas e não me lembro se deu pra gente dar algum telefone ou end, na hora, o tempo é as vezes é assim, nos dar uma oportunidade, mais cria obstáculos devido o momento em temos veja como é o destino, toda vez que vou aí em Campina, Chico Cateta que me ver, pergunta logo pelo Ribeirinho, e aproveita a ocasião para dizer: me dar seu endereço que este ano eu vou em Fortaleza para nos encontrarmos, vc eu e o Ribeirinho, já faz 30 anos kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk, mas estou aqui Chico, de braços abertos.
Não cheguei a jogar com o Ribeiinho no auge dele, apenas alguns jogos pelo aspira do Everton, os quais foram muitos engraçados ver ele levando pra cima do lateral, como driblava, era ele pela direta e eu pela esquerda kkkkkkkkkkkk, que terror para os adversários.
Valeu Ribeirinho, abraços Jonas didi.

Anônimo disse...

Grande ponta direito!Arrisco,dlibador e preciso nos cruzamentos.Fiz inúmeros gools,com seus preciosos cruzamentos.Com ele,Tonheca,Eu.Chininha e Fermamdo Cangurú.Formamos uma linha de frente que fez história na "pelada" de tempos atrás.
Jobeis, vc ainda vai me matar de tanta emoção e recordações!!!!!!!!
Abraços

adinho

Anônimo disse...

Sem dúvida, foi um dos melhores, entre tantas feras que o São José viu nascer e crescer.
Uma pessoa maravilhosa, que nunca causou ou desejou um mal a ninguém.
Pena que o destino o levou para longe do nosso convívio, para a capital alencarina, deixando tantas saudades.
Mas a sua presença em nossa lembrança permanece muito viva.
Que alcance tudo de bom que merece!
Tom.

JOÃO MARIO disse...

Joguei com Ribeirinho no TREZINHO (Time de Uráy).Era o típico ponta direita,(quando existia ponta): rápido, bom drible e bons cruzamentos, era baixinho mas não intimidava com "cara feia" nem altura.
Não tenho noticias de Ribeirinho, acho que há 40 anos !

GLAUCO KARDEC disse... disse...

Ribeirinho: grande ponteiro direito campeao do Tabelao pelo Everton.agil, talentoso, da velha guar da do S.JOSE,so fez amigos hoje morando em Fortaleza pouco o vejo espero encontralo no maior SAO JOAO DO MUNDO ou fim do ano festa d0 Everton. um forte abraço Glauco Kardec .

kelly sthefanye (filha) disse...

Olá me chamo Kelly Sthefanye,sou filha do Ribeirinho... ele sente muitas saudades dos amigos de futebol, gostei muito dos elogios que deram a ele, eu mostrei a ele. É... ele também é craque como pai. Amo muito ele. Bom é isso se quiserem entrar em contato com ele. Taí o meu e-mail do facebook kkk mais usado no momento: kelly.harket@yahoo.com

Anônimo disse...

Olá... aki é o Dayvidson C. Morais, o filho mais novo do Hildevran Ribeiro de morais, tenho que agradecer pelo elogio e pelo carisma que vocês ainda hoje tem pelo meu pai, é muito bom saber que ele tem amigos do tempo em que ele jogava... bom tenho que avisar que meu irmão o Handerson C. de Morais, filho do segundo casamento, também joga muito, ele não teve oportunidade de jogar prafissionalmente. Hoje posso mostrar esse espaço na internet para os meu amigos e conhecidos (eles não acreditam quando digo que meu pai foi jogador profissional) sou muito grato por todos vocês pelos comentários. Deixo aqui meu msn(dayvidson_morais@hotmail.com) e meu face book (novomoral@hotmail.com) para menter contato : (85)85355352.

Jurema - Caucaia - Ceará
cep:61648100
rua morélia 423.

Jobedis Magno disse...

Aos filhos do Ribeirinho foi um prazer saber que ele viu nosso homenagem e digam a ele que este ano no dia 16 de Dezembro sera realizado a festa do Everton clube que ele ajudou a fundar e ser um dos idolos.Diga a ele que meu telefone é 83 99247872 e meu email
jobedismagno@hotmail.com

Hildeman disse...

Comentar o quanto o meu irmão foi craque acredito que eu sou supeito, lembro-me bem de quando estudavamos no Colégio São Vicente de Paulo, onde fizemos todo o nosso primário, saindo dali para fazermos o admissão, o ribeirinho já enchia os olhos de muitos coleguinhas,uma vez, em umas das nossas passadas do colegio para à nosa casa, ali na João Moura. Parávamos para jogar uma bolinha de borracha com LULU, outro craque, um dos maiores meio campo que o trezinho já teve e, êle chegava a me dizer, êsse seu irmão joga muito e, assim, Ribeirinho começou a ser solicitado nos campos de peladas até que chegou ao profissionalismo. Quantas surras não levamos de nossa inesquecivel vó (maequinha) porque as vezes comprávmos uma bola de borracha para jogar no campinho que ficava atras da Igreja da Guia.Estive em dezembro de 2011 com o meu irmão em Fortaleza, conheci os seus filhos e sua pequena residencia que graças a Deus é propria e que êle mantém á sua familia com muita humildade, entretanto, com muita dgnidade. isso me fez muito tranquilo em vê-lo e abraça-lo. Peço a Deus sempre por êle e, que um dia, possamos morar juntos em Maceió-Al. Sinto muito falta dele nas reuniões da minha familia no Natal. Pois hoje só tenho êle de irmão da familia de meus pais. Jamais esqueci-o no meu coração. Beijos meu irmão eu te amo.

kelly sthefanye (filha) disse...

Obrigada Hildeman.
O Ribeirinho ficou muito emocionado com seu comentário...ele te ama muito tbm! Sempre nos diz que vc é o irmão que ele mais gosta. Por ser mais próximo...(acredito-me).Beijos da sua sobrinha Kelly Sthefanye

Hildleman disse...

Meu irmão, estive ontem em Campina Grande (22/12/12)sempre vou nesta data para trazer D.Maria e Ines, (sogra e irmã da sogra (84 anos e 77 respectivamente) para passarmos o fim de ano aqui em Maceió-AL. Não tenho muito prazer nas datas 25 e 31 por não ter comigo uma pessoa da minha familia, infelizmente essa é um dos meus desgotos nesas comemorações. Peço a Deus em minhas orações que isso venha acontecer um qualquer ano dêsse que vc esteja ao meu lado me dando muita alegria. Olha, aproveitando a minha ida a Campina Grande, compareci a confraternização do amigos do esporte, êsse ano foi realizado no clube Campeste, estiveram reunidos mais de 500 pessoas da velha guarda, é um dinheiro meu irmão que a gente paga e não existiria preço para os momentos que a gente vive ali relembrando com todos o nosso passado. Acredite meu irmão que,todos aqueles nossos amigos de peladas, tanto do bairro de São José, com de outros bairros perguntavam por você. Eu falei pra êles que no ano que vem, se Deus nos permitir, você estará lá.Eles disseram-me que se voce estiver no ano que vem na confraternização, você será homenageado no ato da festa. Fôrça meu irmão, que Deus no conceda essa graça. Irei pedir a Deus que 2.013 seja nosso ano, em nome de Jesus.
beijos, eu te amo.
abraços nos sobrinhos e esposa.

kelvia (Filha) disse...

obrigado Hildeman, meu pai te ama tbm!!!
bjos...

Postar um comentário